Se a Estação Ferroviária de Poços de Caldas não tivesse sido alterada

Imagine como poderia ser hoje em dia a Estação Ferroviária de Poços de Caldas se ela tivesse a mesma estrutura que tinha quando foi construída e inaugurada em 1886:

Explicações:

1) Como foi feita a montagem?

Foram utilizadas as duas fotos, em que uma mostra a estação pintada a mão, enquanto a outra foi tirada em 2017:

 

2) Então a Estação que temos hoje não é a mesma de antigamente?

Na verdade a Estação sempre foi a mesma, ela nunca foi demolida. Porém passou por duas reformas no decorrer do tempo.

Inaugurada em 1886, ela foi projetada pelo arquiteto italiano Giovanni Batista Pansini, com um estilo italiano, tendo os beirais todo preenchidos por lambrequins e uma parte frontal com uma plataforma suspensa contornada por grades trabalhadas. A sua aparência se assemelhava muito aos chalés existentes na cidade. Já as paredes foram construídas em alvenaria de tijolos aparentes, tendo um estilo inglês:

Estação Ferroviária de Poços de Caldas em 1886

1886

Entre 1920 e 1930, a cidade passava por reformas e novas construções, como do Palace HotelPalace Cassino e Thermas Antônio Carlos. Nisso a Estação foi reformada para ter uma aparência semelhante as construções neoclássicas. Nisso o corpo central foi demolido e os beirais de lambrequins foram retirados.

Estação Ferroviária de Poços de Caldas em 1930

1930

Nos anos 70, a Estação passou a ser da propriedade da FEPASA, nisso outra reforma foi feita, construindo os blocos superiores e compondo a aparência atual. Após a desativação, hoje a edificação abriga a “Secretaria de Turismo”:

Estação Ferroviária de Poços de Caldas em 2016

2016

3) É possível que um dia a estrutura da Estação volte a ser como era antigamente?

Fazer com que a estrutura volte a ser como era antes não é muito viável, principalmente porque estaria perdendo salas que foram construídas nos anos 70. Além disso, a mão de obra poderá ser cara, mas seria apreciável pela valorização histórica.

Porém se quiserem trazer aspectos originais, talvez poderia mudar a estrutura da parede para tijolo, reconstruir o corpo central e decorá-la com acabamentos que faça lembrar a antiga estação, como o uso de lambrequins, talvez assim já poderia ter uma aparência retrô que lembrava sua antiga forma.

4) Existe algum interesse nesta reforma?

Até o momento a estação se encontra em uma situação complicada, ela se encontra desativada e parcialmente abandonada. Alem disso não está sendo demonstrado muito interesse no investimentos por parte dos administradores da cidade para reativá-la ou no mínimo decorá-la.

 5) Mas teria alguma vantagem em investir na Estação? 

No momento a cidade está passando por crises financeiras, tendo vários lugares que foram fechados ou demolidos para abrirem novos lugares para o comércio. Por isso, como a estação sempre ajudou a cidade no crescimento, ela poderia ajudar mais uma vez.

Existem muitos lugares que a cidade voltou a crescer no turismo e no setor comercial após a reativação das estações. Como por exemplo, na cidade de Rio Acima em Minas Gerais, houve uma grande recepção de turistas (em torno de 45 mil turistas) após a reativação em 2012. Assim foram 4 anos de sucesso, até que ela teve de ser novamente desativada porque a empresa privada responsável descumpriu várias cláusulas do contrato e, por isso, a prefeitura teve que tomar providência para sanar os problemas e regularizar a operação, deixando desativada.

 6) E como poderia ser se a Estação voltasse a ser ativada?

Se quiserem saber como poderia ser, vejam nesta outra montagem:

Se o Trem Turístico voltar à ativa em Poços de Caldas

 

Localização da montagem:

  • https://www.facebook.com/app_scoped_user_id/1991507204448381/
     

    Excelente trabalho de restituição Memorial.

  • https://www.facebook.com/app_scoped_user_id/1941460069461552/
     

    Gostei muito. Parabéns.


Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com